Alimentos chaves para o fisiculturista

Há um ditado popular que diz algo como ‘80% dos ganhos são feitos na cozinha “e isso tanto é verdade para pessoas que estão trabalhando para construir músculos e tamanho ou os que querem simplesmente perder peso. Neste artigo, apresentaremos os alimentos chaves para o fisiculturista.

Você é tão forte como o ponto mais fraco, por isso, se estiver treinando duro, mas estiver a comendo mal, é quase certo que não vai ver os resultados desejados. Faça o seu plano nutricional que o resultado virá. Os suplementos proteicos são um excelente ponto de partida. Eles vão ajudá-lo a se recuperar rapidamente depois de uma seção de treino, garantindo assim que você estará a 100% no seu próximo treino. A proteína é também conhecida por aumentar a saciedade, fazendo assim sentir-se
satisfeito durante mais tempo.

Você sabe quais alimentos devem ser consumidos antes e depois de uma atividade física? E que sua baixa performance na academia pode estar diretamente relacionada a uma alimentação inadequada? Uma alimentação programada e equilibrada em nutrientes vai proporcionar a força, a velocidade, a resistência nos treinos e o substrato essenciais à recuperação muscular e ao organismo como um todo. As refeições devem ser divididas em duas fases: a (antes do treino) e b (depois do treino).

A. Antes do treino

Consuma alimentos ricos em carboidratos complexos. É preciso energia, mas lenta e constante, para garantir potência suficiente durante a atividade e para que não ocorra muita perda muscular. O Ideal são alimentos ricos em fibras, como cereal integral, biscoito integral, barra de cereal (rica em fibras). Outras opções benéficas para antes do treino são: torrada integral com requeijão ou pão integral com azeite ou banana com aveia e uma colher de chá de óleo de coco ou, ainda, mamão com granola. 

B. Depois do treino

Faça refeições que contenham proteína animal com carne sem gordura – atum, filet de frango sem pele, rosbife, carpaccio de filé, peito de peru ou presunto sem capa, com uma parcela generosa de um carboidrato complexo, como o arroz, de preferência integral, ou massa integral, batata com casca, pão ou torrada integral. Para melhorar a reposição de vitaminas e minerais, é necessário incluir hortaliças e leguminosas na refeição. Ela podem ser cozidas ou cruas na forma de salada. O importante é ter no mínimo cinco cores no prato.

Homem musculoso comendo

Alimentos ricos em proteínas devem fazer parte da alimentação de todos. Além de ser essencial para o crescimento e desenvolvimento muscular, a proteína também mantém a massa muscular saudável. O maior problema que enfrentamos para escolher alimentos ricos em proteínas é que a maioria deles também é rico em gorduras saturadas. Então, segue abaixo uma lista de alimentos ricos em proteínas com baixo índice de gorduras:

Frango
Leite
Ovos
Peru
Amêndoas
Porco
Atum ao Natural
Queijo Cottage
Iogurte Light
Sopa de Lentilhas
Clara de Ovos
Macarrão Cozido
Pistache
Salmão
Tilápia
Camarão
Bife Grelhado
Tofu
Leite de Soja
Feijão Cozido
Quinua
Lentilhas
Amaranto
Mariscos
Brócolis
Anchovas
Pasta de Amendoim

Imagem de manteiga de amendoim

Adicionando alguns desses alimentos em suas refeições, você dará a seu corpo as ferramentas necessárias para desenvolver músculos fortes e saudáveis.

Gostou do Post ? Ele lhe foi útil ? Deixe seu comentário, sugestão ou crítica, compartilhe com os amigos. Um grande abraço e até o próximo.

 

agmjunior

Adicione aqui suas Informações biográficas

Você pode gostar...

5 Resultados

  1. Cláudio Batista disse:

    Maravilha este Post! Parabéns pessoal!!!😉

  2. André disse:

    Faltou aí a batata 🍠 no pré treino!

  3. Rogério disse:

    Boas dicas

  4. Genival Avelino neto disse:

    Ótima dica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *