As 5 Melhores Fontes De Gorduras Para Ganhar Massa Muscular!

Você já sabe da importância de considerar a ingestão dos 3 principais macronutrientes quando está comprometido nos seus objetivos de ganhar massa muscular. Esses três macronutrientes são as proteínas, carboidratos e gorduras. Definitivamente elas devem fazer parte da sua alimentação e será compartilhado aqui as 5 melhores fontes de gorduras para você ganhar massa muscular.

Seu corpo precisará de diferentes percentagens de cada um desses macronutrientes para poder fornecer a você os melhores resultados.

A ingestão de proteínas fica em torno de 1 a 1,5 gramas por quilo de peso corporal por dia. Uma variedade de proteínas como frango, carnes magras, whey protein isolado são 3 recursos muito populares.

Com relação aos carboidratos, eles devem ser primeiramente de fontes complexas, de lenta digestão, tais como, arroz integral, inhame, e aveia. Sua ingestão de carboidratos deve ser em torno de 1 grama por quilo de peso corporal ao dia com o objetivo de perder gorduras, e de dois gramas se desejar ganhar massa muscular. Essas são apenas estimativas para servir como ponto inicial para você.

Agora com relação as gorduras, você deve considerar que elas são apresentadas em algumas formas como monoinsaturadas, poliinsaturadas e hidrogenadas. Cada um desses tipos tem um diferente efeito no seu organismo.

1. Óleo De Côco

imagem de óleo de côco

 

Uma dieta para ganho de massa muscular não é completa sem essa fonte de gordura saturada que deveria estar na dieta de todos os praticantes de musculação que desejam ganhar massa muscular. Ele é extraído do núcleo de côcos maduros e devido aos seus benefícios a saúde cardíaca ele torna-se uma grande opção para cozinhar.

Uma colher de sopa possui 116 calorias.

O óleo de côco é único porque ele é constituído de um tipo de ácido graxo que é rapidamente digerido e absorvido pelo corpo e utilizado rapidamente como fonte de energia. Ele é altamente insulinotrópico então uma colherada no seu shake pós treino não diminui a absorção ou digestão dos nutrientes do shake como um ácido graxo de cadeia longa faria.

O óleo de côco mostrou-se aumentar a produção de testosterona por melhorar a atividade da enzima envolvida na produção desse hormônio. Todos nós sabemos como a testosterona age de forma crítica nos processos de ganhar massa muscular, e desde que os níveis dela começam a declinar a partir dos 20 anos, este é um óleo muito benéfico para praticantes de musculação já com 30 anos e os que estão sofrendo com níveis baixos desse hormônio.

Este óleo pode ainda manter-se em uso mesmo em fases de perdas de gorduras e definição muscular, pois foi comprovado que ele aumenta a taxa metabólica diminuindo os níveis de gorduras corporais.

É recomendado pelo menos 2 colheres de sopa ao dia ao cozinhar.

2. Macadâmia 

Imagem de macadâmia

 

Simplesmente um copo de macadâmias inteiras possuem 101 gramas de gorduras totais, fazendo-as uma excelente escolha para caras magrelos que estão desesperados para ganharem massa muscular. Elas possuem também 11 gramas de aminoácidos e todos os aminoácidos essenciais que são críticos para a saúde em geral e para ganhar massa muscular. Possuem ainda 19 gramas de carboidratos complexos para entregarem quantidades de energia consideráveis para um treinamento intenso.

Elas possuem uma alta quantidade de fibras que ajudam a regular o sistema digestivo e diminuir as chances de doenças cardíacas e diabetes. As fibras também são excelentes para a regulação do apetite e ajuda-o a saciar a fome por um período mais prolongado de tempo. Elas são acompanhadas também de uma ampla quantidade adicional de nutrientes como potássio, ferro, niacina, cálcio, cromo, cobre, magnésio, zinco e manganês e cada um deles agem de forma crítica desde a produção de energia, hidratação e produção de testosterona.

Embora a macadâmia seja uma das nozes mais gordurosas, surpreendentemente essa fonte de gorduras torna-o mais saudável. Esse tipo de gordura é útil para a sua saúde cardíaca e controle dos níveis de colesterol.

3. Abacate

Imagem de vitamiona de abacate

 

Embora a quantidade de gorduras no abacate seja aproximadamente 20 vezes maior do que em qualquer tipo de outras frutas, ela é do tipo monoinsaturada . Simplesmente um abacate médio possui muito mais potásiso do que 3 bananas médias. Ela é 3 vezes mais calórica também, mas para caras magros que estão querendo ganhar volume este é um alimento essencial. No entanto, os abacates devem serem ingeridos com moderação em programas de perda de peso.

Metade de um abacate médio fornece 160 calorias, 2 gramas de proteínas, 15 gramas de gorduras e 9 gramas de carboidratos.

Uma grande forma de começar a queimar mais gorduras e controlar seus níveis de insulina é incluir o abacate nas suas refeições porque as calorias vindas dele irão reduzir seu apetite (comparado com carboidratos). Os carboidratos estimulam a secreção de insulina na corrente sanguínea, que podem estimular o apetite, mas por causa da alta quantidade de gorduras do abacate ele fornece saciedade por não promover níveis altos de insulina.

 4. Semente De Abóbora

Imagem de semente de abóbora

 

Se você tem interesse em ganhar massa muscular e aumentar os níveis de testosterona, então comece a consumir sementes de abóboras. Elas podem ser inseridas nas suas saladas. 1/4 copo de semente de abóbora possui 190 calorias que fornecem 16 gramas de gorduras, 6 gramas de carboidratos e 9 gramas de proteínas de origem vegetal e 2 gramas de fibras.

A grande sacada para praticantes de musculação é que a semente de abóbora contém aminoácidos como a leucina que ajuda na produção de proteínas, queima de gorduras, resistência e ajuda nos níveis de testosterona.

Também providenciam um grande recurso de zinco e magnésio que contribui para elevar a maioria dos hormônios anabólicos no seu corpo, testosterona, e ainda pode resultar na melhoria da quantidade de espermas nos homens. Este é um dos alimentos que devem estar presentes na dieta de quem deseja ganhar massa muscular e não deve ser negligenciado.

 5. Manteiga De Amêndoa

Imagem de manteiga de amêndoas

 

Apenas uma colher de sopa contém 101 calorias e 79 delas vêm de gorduras.

A grande vantagem da manteiga de amêndoa é que ela fornece altas percentagens de proteínas, gorduras e fibras que deixam você satisfeito, mesmo com uma colher de sopa, embora seja difícil parar em uma única colher!

Um grande benefícios da manteiga de amêndoa é que ela ajuda a estabilizar os nívels de glicose devido as altas quantidades de fibras, proteínas e gorduras, que controlam os picos de insulina.

As amêndoas ajudam a prevenir picos de açúcar no sangue durante uma refeição rica em carboidratos. Um outro benefício é a abundância de vitamina E, um poderoso antioxidante que protege suas células contra os danos dos radicais livres.

Ela pode ser adicionada nos seus shakes proteícos, adicionado nas frutas e vegetais como maçãs, aipo, como um rápido lanche ou você pode adicioná-la na sua tigela de mingau de aveia quente de manhã.

Conclusão

Então aí estão 5 fontes de gorduras saudáveis para serem adicionadas na sua dieta para ganhar massa muscular e que trarão resultados tanto estéticos como de saúde para você!

Quem disse que sua dieta tem que ser chata, e com comidas sem graça? Você pode muito bem mudar essa situação!

Gostou do Post ? Ele lhe foi útil ? Deixe seu comentário, sugestão ou crítica, compartilhe com os amigos. Um grande abraço e até o próximo.

agmjunior

Adicione aqui suas Informações biográficas

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *